6 mentiras que já te contaram sobre empreendedorismo

Mulher bonita sorridente falando ao telefone em sua empresa - Mentiras sobre empreendedorismo

Em toda a web, seja em sites de perguntas e respostas, postagens em blogs ou até em painéis e conferências, supostos especialistas mentem sobre o valor da educação formal para jovens que desejam empreender. Eles geram clichês irrealistas, pouco práticos e que, quando levados ao extremo, podem ser até trágicos.

Muitos desses “coachs” afirmam que os estudos são uma perda de tempo, que um empreendedor “de verdade” precisa largar a faculdade para começar seu negócio imediatamente.

É fácil entender porque iniciar um negócio pode soar melhor do que sentar em uma sala de aula ou fazer provas exaustivas. Pior ainda quando os resultados desses exames são negativos – como pode acontecer com qualquer pessoa. E este é o momento em que as fake news podem atingir jovens ambiciosos insatisfeitos. É necessário um grande comprometimento e disciplina para se manter no plano inicial.

Veja algumas das principais mentiras contadas sobre empreendedorismo

E que as pessoas continuam acreditando, vale ressaltar.

Os empreendedores nascem assim, não precisam se esforçar

O perigo aqui deveria ser óbvio: auto ilusão. Os empreendedores que acreditam que são dotados de um dom natural – semelhante à uma afinação perfeita ou memória fotográfica – para o empreendedorismo, estão caminhando para uma queda.

Mesmo se um gene empreendedor existisse, ele não ajudaria seu possuidor a liderar pessoas, tomar boas decisões sobre como comercializar produtos ou moldar e remodelar uma organização à medida que ela cresce.

Mulher sentada com expressão ocupada lendo relatório em papel
Fato é, a maioria absoluta dos grandes empreendedores famosos e revolucionários é composta por homens brancos

O mito do empresário nato também faz com que muitas pessoas evitem o empreendedorismo. Isso porque os “gênios” citados como exemplos – Steve Jobs, Roberto Justus aqui no Brasil, e Elon Musk – são todos homens brancos. Isso envia uma mensagem desanimadora para mulheres e minorias sociais: não é preciso tentar porque nenhum empresário nato se parece com você.

Cresça rápido ou desista

Quase todas as empresas de sucesso começam pequenas e permanecem dessa maneira até saberem como entregar valor real a seus clientes. Exortar os empreendedores a crescer rápido antes de entenderem totalmente o que os consumidores desejam pode levá-los a expandir negócios que acabam tendo apelo limitado.

Muitos empreendedores inexperientes esperam que a ilusão de crescimento atraia investimentos, o que pode levar a perdas e fracassos maiores. Antes de exaltar as virtudes do crescimento, devemos alertar as pequenas empresas para que se encontrem seu e testem seus modelos de negócios.

Tudo gira em torno das habilidades STEM – Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática

O empreendedorismo consiste em fazer algum grupo de pessoas feliz o suficiente para dar dinheiro em troca – e de bom grado – ao empresário. Tecnologia e códigos de computação são ferramentas importantes que os empreendedores usam para tornar seus negócios eficientes e ajudá-los a encontrar clientes, mas é preciso lembrar que raramente são o produto em si.

Além disso, as empresas que vendem suas ferramentas para empreendedores competem para torná-las mais fáceis de usar, de modo que os empreendedores não precisam de diplomas em STEM e MBAs para ter sucesso.

Muitas pessoas possuem habilidades prontamente comercializáveis ​​que pouco têm a ver com tecnologia. Devemos encorajá-los a colocar essas habilidades em prática, em vez de fazê-los se sentirem inadequados quanto à sua educação ou capacidade técnica.

Leia nosso post sobre empreendedorismo clicando aqui.

As mais comuns mentiras difundidas 

mentiras sobre empreendedorismo
 É importante ressaltar que essas falsas afirmações podem levar seu dinheiro, tempo e energia
  • Empreendedores são algum tipo especial de ser humano, eles são diferentes de você;
  • A cabeça do empresário deve funcionar 24h por dia;
  • Empreendedores precisam ser apaixonados por correr riscos;
  • Existe apenas um jeito certo e um errado de empreender;
  • Ter seu próprio negócio é tudo ou nada.

Inverdades contadas aos investidores em potencial

Uma das características mais essenciais e cativantes do empreendedor é seu otimismo incansável. Esta é a base para o entusiasmo quase passional que permite aos empresários acreditar, apesar de todas as probabilidades negativas, que podem mudar o mundo. Isso é um ativo crítico para eles, mas também é uma falha potencialmente fatal.

Uma das desvantagens do entusiasmo desenfreado é a tendência de superestimar a probabilidade de sucesso e subestimar a probabilidade de contratempos, em cada uma das muitas dimensões de execução necessárias para construir uma empresa de sucesso – entregar o produto dentro do prazo e do orçamento, obter clientes para comprá-lo – além de fidelizar estes consumidores -, e gerar lucro, por exemplo.

Os investidores já viram isso muitas vezes. Portanto, quando um empreendedor se apresenta a eles mostrando sua visão e dizendo que essa nova empresa mudará o mundo e será maior que o Facebook, por exemplo, mesmo com baixo investimento, é possível entender porque alguns investidores podem ficar céticos.

O que o empresário pode caracterizar como otimismo ousado, os investidores podem considerar ingenuidade. Ou pior, tendo ouvido os mesmos velhos exageros tantas vezes antes, alguns investidores podem simplesmente decidir que o empresário está mentindo.

Existe uma linha tênue entre o entusiasmo apaixonado e a deturpação fraudulenta. Os investidores amam empreendedores entusiasmados, mas estão cansados ​​de ouvir as mesmas velhas distorções da realidade que muitas vezes acabam nos lançamentos.

“Teremos fluxo de caixa positivo em 12 meses”

Ilustração de empreendedor sentado com seu notebook em frente a gráficos e moedas
Tenha cuidado ao sonhar alto, muitas vezes informações sem base podem afastar os investidores

A maior causa de falência entre as startups é a falta de dinheiro, e o maior motivo para esse desastre acontecer, é que sempre custa mais e leva tempo maior para expandir uma empresa do que a maioria das pessoas espera.

É importante esclarecer que seus investidores em potencial não acreditam que você terá um fluxo de caixa positivo quando diz que o fará, mas eles precisam saber que é possível gerenciar as despesas para não ficar sem dinheiro antes de validar o negócio.

“Temos uma equipe de classe A”

Seus sócios fundadores agradecem sua lealdade  – muito provavelmente seus colegas de universidade -, mas só se eles forem extremamente talentosos e capazes, dessa maneira tudo bem.

Praticamente toda grande equipe precisa ser construída ao longo do tempo, e a sua não será diferente. O que é muito mais importante do que a classificação classe A de sua equipe fundadora é sua habilidade de fazer bem o que você precisa realizar hoje, além de atrair talentos ao longo do tempo.

“Nossas projeções são até conservadoras”

Claro que não. A maioria dos empreendedores projeta que sua empresa terá mais sucesso do que as empresas de maior sucesso da história. É necessário encontrar  algumas empresas de sucesso comparáveis ​​para se modelar. Ninguém espera que você seja conservador, mas os investidores também não gostam que os empresários delirem. O esperado é que você tenha um entendimento razoável das realidades dos negócios e da economia do crescimento de uma empresa.

“Não temos competidor direto”

Os empreendedores foram bem treinados nos últimos anos para não dizerem mais: “Não temos concorrência”. Mas sempre há outra maneira de fazer o mesmo que você, por mais que não seja com total igualdade.

Se esse for o status quo em seu mercado, certifique-se de identificá-lo como seu principal concorrente e demonstrar que entende como vender e competir de igual para igual com ele – aumentando a qualidade e o superando ao longo do tempo.

Enquanto isso, o investidor com quem você está falando provavelmente já ouviu falar de duas outras empresas que planejam fazer exatamente o que você está fazendo. Por este motivo, nunca tente convencê-lo de que não precisa se preocupar com a concorrência. Convença-os de que você sabe enfrentar todos os adversários. Ficou claro?

“Temos a vantagem de sermos pioneiros”

Nunca sugira que essa é sua principal vantagem competitiva. Na verdade, os pioneiros geralmente falham, e a maioria dos empreendedores que dizem que são os primeiros não o são. Às vezes, o pioneirismo pode ter seu valor, é claro, mas só se você tiver os recursos para capitalizar em cima disso.

Conclusão

Ao usar esses filtros cheios de glamour e falar sobre todas as coisas adquiridas desde o início do sucesso do negócio, o empreendedor estará enviando uma mensagem falsa sobre facilidades para aqueles que desejam seguir este caminho.

Ele estará, de certa maneira, pintando como simples o processo, usando frases chamativas e todas aquelas outras falácias que realmente não têm nada a ver com o funcionamento de um negócio. Tenha sempre em mente: sim, ele conquistou muitas coisas. Mas para que isso acontecesse, houve um trabalho duro e longo.

Gostou deste artigo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram