Empreendedorismo em 2021: tendências que você não quer perder

Dois empresários observando um foguete que vai decolar

Novas tecnologias, demandas crescentes dos clientes e mudanças sociais estão transformando rapidamente o cenário de negócios. Esses fatores pavimentaram o caminho para empresas, independentemente de localização, nichos de mercado, bem como equipes globais intimamente ligadas.

No entanto, para colher os benefícios que essas mudanças têm a oferecer, é preciso se manter atualizado sobre as tendências emergentes dos negócios.

Muitas pessoas colocam o empreendedorismo em um pedestal. Como resultado, desde jovens estão sendo incentivados a se tornarem empreendedores quando crescerem.

De acordo com o último levantamento  realizado pelo *GEM – Monitoramento de Empreendedorismo Global, estima-se que existam um total de 53,4 milhões de brasileiros à frente de alguma atividade empreendedora, envolvidos na criação de um novo negócio, consolidando uma empresa ou realizando esforços para manter um empreendimento já estabelecido.

O programa de pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), de abrangência mundial, é uma avaliação anual do nível nacional da atividade empreendedora. Nesses 20 anos, mais de 80 países participaram do programa, que permanece em crescimento. Atualmente, no mundo, o GEM é o maior estudo contínuo sobre a dinâmica empreendedora.

Empreendedorismo em 2021 X Oportunidades

Em nosso artigo sobre identificação de oportunidades para empreender, citamos alguns aspectos críticos do processo, que valem a pena serem relembrados:

Em primeiro lugar, é a oportunidade: aqui, deve-se analisar todo o ambiente de negócios para avaliar se o projeto deve ter ou não continuidade. O segundo fator diz respeito à equipe empreendedora, ou seja, quem atuará em conjunto com a equipe, além do idealizador. O terceiro fator é sobre os recursos necessários para empreender: como consegui-los? Onde encontrá-los?

Empreendedores alegres sentados à mesa que contem notebooks

Dentre os três elementos citados, o mais importante é o primeiro – a identificação da oportunidade, pois é a partir daí que surgirá a definição do projeto. Esse reconhecimento será determinado pela capacidade do empreendedor de desenvolver sua percepção e intuição sobre as possibilidades acerca da ideia em análise.

– Fique atento ao ambiente do negócio: esse aspecto é composto de fatores externos que circundam e influenciam as decisões da atividade empresarial em determinado país ou região, como: clientes, governo, competitividade e condições sociais;

– Identifique problemas: questione todas as possíveis adversidades que rodeiam seus planos e analise todas as possíveis problemáticas, sejam elas internas ou externas;

– Detecte a oportunidade em potencial: seja realista, entenda que nem sempre a oportunidade que surgir manterá todas as características das ideias iniciais.

Para ler o material completo clique aqui.

Tendências

Cada vez mais empreendedores aparecem concentrando seus esforços em trazer inovações que os tornarão o próximo grande sucesso.

No entanto, a cada ano que passa, as prioridades mudam e o empreendedorismo não pode ficar para trás. Essas prioridades, marcadas como tendências, estão moldando o mundo empresarial a tal ponto que, em poucos anos, o empreendedorismo terá um significado completamente diferente.

Se você deseja se tornar uma parte interessada ativa neste campo, é necessário seguir as tendências atuais, conforme definidas por alguns dos maiores especialistas mundiais em negócios, startups e empreendedorismo. Aqui estão algumas das mais importantes que você precisará seguir no ano de 2021, seja como um novo empresário ou um veterano na área.

Empresas com foco nas pessoas

As empresas são administradas por pessoas. Pessoas com ideias que buscam inovação e sucesso. Para alcançá-lo, a diversidade é fundamental. Hoje em dia, os gerentes das empresas estão tentando construir equipes e grupos mais diversificados, que incentivem seus funcionários a trabalhar com mais eficácia.

Os colaboradores estão sempre em busca de uma cultura de trabalho que os faça querer ficar onde estão. Ao proporcionar-lhes um ambiente diversificado e centrado nas pessoas, o modelo de negócios muda de uma forma que promove ainda mais o empreendedorismo.

Aposte nas tecnologias

As empresas hoje em dia têm dois problemas principais a serem enfrentados, especialmente no início: tempo e orçamento. O uso de ferramentas digitais é uma necessidade que não pode ser evitada.

Empresário escorregando em uma seta apontada para baixo

As tecnologias nos possibilitam fazer mais coisas em menos tempo e com menos orçamento. Ao economizar tempo, a empresa certamente irá economizar orçamento. Como resultado das tendências de crescimento mais rápido no uso de ferramentas de gerenciamento de tempo, é possível ajudar as pequenas empresas a evoluir mais rapidamente e com orçamentos menores!

Inúmeros estudos das principais instituições de pesquisa do mundo afirmam que a transição para uma economia digital é a tendência global que as organizações acreditam ter impacto sobre suas operações. Essa transformação é uma etapa inevitável para todas as empresas e requer mais do que apenas tecnologia de ponta para trazer sucesso aos negócios.

Cenário do empreendedorismo em 2021

Uma transformação digital de sucesso é mais do que apenas soluções de tecnologia atualizadas. Para criar novos negócios e se posicionar como líder de mercado, a empresa precisa reinventar seus modos de trabalho. Uma organização precisa implementar com sucesso:

Capacitação dos colaboradores para pensar e trabalhar no novo ambiente, de forma a incorporar a adaptação das novas tecnologias e processos à organização.

Redesenhar os processos de Tecnologia de Negócios com práticas de design profissionais, porém simplificado, para ajudar as organizações a encontrar novas maneiras de automatizar os processos existentes, bem como construir outros inteiramente novos.

Utilizando soluções de tecnologia de ponta para oferecer experiência acessível ao cliente e ao usuário final e automatizar os processos de negócios.

Otimização

Muitas pessoas não chamariam isso de tendência, pois a otimização é basicamente algo padrão no esforço de fazer o negócio crescer. No entanto, as novas tendências não se limitam a otimizar uma organização. Trata-se de usar essa potencialização como técnica para realizar o gerenciamento de riscos.

Essas tendências são as melhores opções para o empreendedorismo atualmente. Se você deseja aprender mais sobre o assunto e as maneiras de construir um negócio de sucesso, é necessário acompanhar os direcionamentos recentes.

Sustentabilidade

Funcionária trabalhando em home office com plantas ao lado

Uma das maneiras iniciais de fazer seu escritório apoiar a sustentabilidade é se livrar de produtos feito com plástico, que não são sustentáveis ​​e substituí-los por itens que podem ser lavados e reutilizados. Este pequeno gesto já aumentará muito a sustentabilidade das empresas. Geralmente na copa das organizações vários desses itens poderão ser substituídos.

Invista tempo no treinamento dos funcionários sobre a importância de manter a saúde do meio ambiente e compartilhe o que a organização está fazendo para ajudar a conservar os recursos naturais. Os gestores podem se surpreender com o que os funcionários estão vivenciando em suas jornadas eco-friendly. Em muitos casos eles poderão contribuir com ideias para reduzir o desperdício e melhorar o ambiente de trabalho.

Clique aqui para ler nosso artigo completo sobre empresas sustentáveis

Pandemia

Com o aparecimento e a crescente manifestação da pandemia Covid-19, algumas tendências ganharam destaque nos negócios. Trabalhar em casa ou remotamente é uma das inclinações que vem ganhando imensa popularidade entre empreendedores e empresários.

A aplicação do conceito de trabalho em casa por parte dos contratantes exige também a ênfase na gestão eficaz. O home office auxilia as iniciativas ambientais, sociais e de governança da organização com foco em provocar mudanças no curso tradicional do trabalho administrativo.

Mulher empresária usando máscara e limpando objeto

A pesquisa global da Mercer (empresa global de consultoria) também mostra que 75% das empresas estão colocando o foco na mudança de políticas e filosofias para que a força de trabalho seja incentivada a ter mais flexibilidade. Aproveitando a tecnologia emergente, tornaram-se comuns as reuniões de negócios virtuais, marcando o paradigma recém-surgido de práticas de negócios e empreendedorismo.

Devido à pandemia do coronavírus, muitas empresas foram afetadas negativamente. Para cortar despesas, muitas das organizações estão reduzindo seus portes. Para se manter competitivo e garantir a continuidade dos negócios, a primeira coisa que precisa ser feita é adotar uma estratégia de marketing viável para que a sobrevivência possa ser garantida.

Comunicação é tendência

Apesar de duramente atingida pela pandemia, a indústria da mídia tem sido capaz de manter seu principal interessado (ou seja, o cliente) informado e engajado por meio do fornecimento de informações atualizadas. A situação é benéfica para profissionais de Relações Públicas (RP), uma vez que gerenciar as relações com investidores e indústria é de primordial importância para líderes empresariais.

O comércio eletrônico é outro setor que tem sido beneficiado, mesmo tendo sido afetado. Apesar de enfrentar um momento estressante, a Amazon tem sido capaz de lidar com a mudança da situação.

Profissionais da indústria de produção de conteúdo, como Netflix, testemunharam o aumento na audiência como resultado e seus lucros aumentaram. A popularidade do Skype e do Zoom aumentaram desde que muitas organizações optaram por essas ferramentas ao invés das reuniões presenciais.

Gostou deste artigo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram