Balanço Patrimonial: como fazer um de qualidade?

Ilustração: um homem e uma mulher em frente a um Balanço Patrimonial figurativo enorme

Balanço Patrimonial é uma declaração que mostra os ativos, passivos e patrimônio líquido de uma empresa em um determinado período de tempo. A declaração é elaborada para mostrar exatamente o que uma empresa possui, o que deve e quanto dinheiro foi usado no negócio pelos proprietários e investidores.

Amplamente usados na contabilidade, os totais do balanço podem fornecer aos proprietários de empresas informações sólidas sobre a saúde financeira de seus negócios. Na verdade, os balanços são usados interna e externamente por diversos motivos, incluindo o cálculo do capital de giro e o monitoramento das despesas operacionais.

Os totais do balanço também podem ser usados para realizar qualquer tipo de cálculo contábil, como índices contábeis ou criar projeções para o seu negócio. Você também encontrará custos fixos, como empréstimos e contas a pagar em um balanço patrimonial.

Primeiro, será necessário determinar as demonstrações financeiras que você ou o profissional responsável irão gerar para sua empresa. Esses relatórios contábeis o ajudarão a determinar a posição financeira da sua organização em um determinado momento e durante um período de tempo, bem como sua posição de caixa.

Muitas pequenas empresas falham porque o proprietário perde o controle sobre a contabilidade. Se você entende as demonstrações financeiras, isso provavelmente não acontecerá.

A fórmula do balanço patrimonial

Se você está familiarizado com os termos contábeis populares, sabe que todas as suas contas precisam ser classificadas como uma das seguintes:

Ativos
Responsabilidades
Renda
Despesas
Patrimônio / Capital
Embora as contas de receitas e despesas sejam encontradas em sua demonstração de resultados, o balanço patrimonial fornece um resumo dos ativos, passivos e contas patrimoniais da sua empresa, dando a base para a fórmula do balanço patrimonial, que você lembra:

Ativos = Passivos + Patrimônio

Ao contrário de um demonstrativo de fluxo de caixa, o balanço não é normalmente usado para criar um orçamento ou gerenciar despesas de negócios, mas sim para ajudar os proprietários de empresas a monitorarem ativos, passivos e patrimônio líquido de maneira adequada.

Elementos do balanço patrimonial

Tabela com cálculo do Balanço Patrimonial

O balanço patrimonial oferece três elementos principais: ativos, passivos e patrimônio líquido, com os elementos ativos e passivos divididos em duas seções. Eles incluem:

1. Ativos
Ativos são tudo o que sua empresa possui. Exemplos de ativos incluem contas de caixa, equivalentes de caixa, contas a receber, estoque, etc.

Os ativos são geralmente divididos em duas categorias em seu balanço, ativos circulantes e ativos de longo prazo. Os ativos circulantes são considerados tudo o que pode ser convertido em dinheiro rapidamente.

2. Ativos de longo prazo
Também conhecidos como ativos fixos, os ativos de longo prazo incluem terrenos, máquinas, equipamentos, bem como ativos intangíveis, como patentes e marcas.

3. Passivos
Passivos são considerados obrigações de sua empresa. Por exemplo, passivos incluem contas a pagar, juros a pagar, ordenados e salários a pagar e depósitos de clientes.

Assim como os ativos, os passivos são divididos em duas categorias em seu balanço: passivos circulantes e passivos de longo prazo. O passivo circulante é considerado qualquer coisa que deva ser paga dentro de um ano.

4. Passivos de longo prazo
Passivos de longo prazo são obrigações que não serão quitadas no próximo ano. Exemplos de passivos de longo prazo incluem empréstimos e títulos a pagar, embora em alguns casos esses títulos possam ser considerados um passivo circulante se forem devidos e pagáveis ​​dentro de um ano.

5. Patrimônio
O patrimônio líquido representa a quantidade de dinheiro que você ou seus investidores aplicaram no negócio. Também chamada de capital, a conta do patrimônio representa o patrimônio líquido de uma empresa. Somado ao total do passivo, ele deve corresponder ou equilibrar-se com seus ativos totais.

6. Ativos = Passivos + Patrimônio
Os ativos em seu balanço devem sempre equilibrar com o total de passivos de sua empresa mais o patrimônio líquido.

Como criar um balanço para o seu negócio

A maneira menos complexa e mais completa de criar um balanço patrimonial é usando um software de contabilidade. No entanto, você ainda pode fazer um mesmo se estiver usando um sistema de contabilidade manual ou software de planilha. Aqui estão algumas opções:

Manualmente

Mulher sentada em frente a um notebook de cabeça baixa estressada

A menos que a empresa seja muito pequena, pode ser extremamente difícil preparar um balanço patrimonial manualmente. No entanto, se você estiver rastreando suas transações contábeis em livros separados, é possível realizar, sim. Inicialmente, o ideal é verificar o saldo atual de sua conta em dinheiro e o colocar dentro dos ativos circulantes.

Quaisquer saldos de contas a receber que você possa ter seriam colocados sob o título atual, assim como qualquer estoque. Some esses totais para chegar ao valor total dos ativos circulantes.

Em seguida, o mesmo processo para calcular os passivos atuais e de longo prazo deverá ser realizado. Itens como contas a pagar são considerados passivos circulantes, enquanto títulos a pagar ou empréstimos bancários são considerados de longo prazo. Some esses dois valores para chegar ao passivo total.

Finalmente, será necessário calcular a quantidade de dinheiro que foi investido na empresa, seja por você, pelos seus sócios ou por terceiros. Adicione o número do patrimônio ao número total do passivo.

Seu balanço patrimonial manual deve estar assim:

Montante de Ativos
Dinheiro: R$ 12.000
Contas a Receber: R$ 13.000
Estoque: R$ 5.000
Ativos Fixos: R$ 16.000
Ativos totais: R$ 46.000

Passivo e valor patrimonial
Contas a pagar: R$ 9.000
Notas a pagar: R$ 13.000
Proprietário / Patrimônio do Investidor: R$ 24.000
Total de passivos e patrimônio: R$ 46.000

(Os valores apresentados acima são apenas exemplos)

Usando um software de contabilidade

Contabilista usando software de contabilidade

De longe, a maneira mais precisa de produzir um balanço patrimonial é usar um software de contabilidade. Ao rastrear todas as suas transações em seu aplicativo, você pode ter um balanço patrimonial completo em segundos.

Planilha

Preparar um balanço patrimonial usando uma planilha é realmente o mesmo que prepará-lo manualmente. Embora ter um modelo possa acelerar o processo consideravelmente, você ainda terá que calcular o número e correr o risco de errar.

Ferramentas

A seguir, confira uma lista de ferramentas que podem ser utilizadas no preparo do seu Balanço Patrimonial:

Planilha Caixa
É destinada à elaboração do Livro Caixa obrigatório para todo tipo de empresa, entidades com ou sem fins lucrativos e profissionais liberais. Contém ajuda para escrituração.
(https://www.socontabilidade.com.br/Softwares/Caixa.rar)

Planilha de Demonstrativo de Contas
Serve para demonstrar as contas existentes na empresa. Descreve o que a empresa deve, seja para outra empresa ou para pessoa física. Há campos para relatar a fatura com data, tipo, nº da fatura, descrição, valor, pagamento e saldo.
(https://www.socontabilidade.com.br/Softwares/Demonstrativo%20de%20Contas.rar)

Livro Caixa
Aplicativo que permite gerenciar a escrita do Livro Caixa da empresa, controlar o detalhamento das entradas e saídas diárias, discriminando os lançamentos em dinheiro, cheque, etc., emitir diversos relatórios mensais e anuais que podem ser salvos em PDF ou podem ser impressos para compor o Livro Caixa contábil da empresa.

(https://www.socontabilidade.com.br/Softwares/installivrocaixaME.rar)

Em resumo

Reunião de contabilidade

O balanço patrimonial, assim como a demonstração do fluxo de caixa e a demonstração do resultado, são extremamente importantes para uma organização sólida. O balanço patrimonial é projetado para exibir ativos, passivos e totais de patrimônio de uma empresa em qualquer momento específico, tornando-o particularmente valioso para instituições financeiras, investidores atuais e potenciais e gestão de empresas.

Esse documento reflete todas as transações desde o início da sua empresa, revelando a saúde financeira geral do seu negócio. À primeira vista, é possível saber exatamente quanto dinheiro colocou ou quanta dívida acumulou. Ou comparar o ativo circulante com o passivo circulante para ter certeza de que é capaz de cumprir os próximos pagamentos.

Além disso, é possível comparar seu último balanço com os anteriores para examinar como as finanças mudaram ao longo do tempo. Dessa maneira, você será capaz de ver o quão longe avançou desde o primeiro dia do negócio.

Gostou deste artigo? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram